Web Rádio

Em breve teremos uma Web Rádio funcionando neste portal.

Qualquer sugestão de conteúdo que possa fazer parte da grade de programação de nossa Rádio On Line, por favor, entre em contato conosco.

Deus te abençoe!

Home

Opinião: Considerações acerca da "Nova Doutrina"

No dia 22/07/2014 fui visitado por um pastor e tivemos uma conversa que durou como que umas três horas. O pastor crer e ensina algumas DOUTRINAS como: Salvação através das boas obras, salvação intercessória, salvação no JULGAMENTO do Trono Branco.

 

Eu sei que com São Mateus 5:25, 26; o CATOLICISMO criou o PURGATÓRIO e por isso quando morre um católico romano, acendem velas para o morto, rezam e celebram missa de corpo-presente, de sétimo dia, de trigésimo dia e de ano, porque creem na intercessão pelos mortos.

 

E com São Mateus 10:42; o CATOLICISMO criou a salvação através das boas obras.  Aqueles que creem em salvação através das boas obras, criaram um novo nome para SALVAÇÃO. Estão chamando de: Salvação Por Intercessão ou  Salvação Intercessória.

 

O que é salvação por intercessão ou salvação intercessória? Para os que creem em tal afirmação Anti-Bíblica: é salvação para os amigos, os parentes e os filhos que rejeitaram Cristo. Segundo tal crença, dizem eles que os ELEITOS no dia do JULGAMENTO (vão reclamar) salvar os amigos, os parentes e os filhos que rejeitaram CRISTO.

 

Se o jovem rico que guardava toda a Lei Divina e praticava as boas obras de tal maneira que o Senhor Jesus Cristo o amou e por rejeitar a Cristo se perdeu, e o que acontecerá com aquele que rejeitar o EVANGELHO? O centurião Cornélio era temente a Deus com toda a sua casa, fazia esmolas, jejuava, era um homem de oração e por que Deus enviou um anjo a sua casa? Lídia já servia a Deus e por que foi dito a ela para ser batizada em nome do Senhor Jesus Cristo?

 

Como posso crer que haverá salvação no JULGAMENTO do Trono Branco, quando o PROFETA irmão Branham afirma que todas as maldades praticadas pelos incrédulos serão mostradas na grande tela magnética de Deus naquele dia e principalmente o EVANGELHO sendo apresentado a eles e eles rejeitando? Mensagem: As Dez Virgens § 259, 260. Eu disse para esse pastor: Não creio em tais doutrinas e estamos separados; levantamos e fomos almoçar. Depois que almoçamos nos depedimos.

 

Eu recebi este pastor com um aperto de mãos e despedi com um aperto de mãos. Em algumas pregações este pastor afirma que eu o expulsei da minha casa. No encerramento do encontro nacional de PASTORES que aconteceu agora em setembro/2014 em João Pessoa – PB, este pastor fez esta mesma afirmação diante de uma multidão, diante de um bom número de PASTORES e diante da internet e esta afirmação não é verdadeira.  Eu creio que um PLENÁRIO cheio do ESPÍRITO SANTO deve observar tais afirmações, porque o PÚLPITO é um lugar SAGRADO e não é lugar de afirmar o que não aconteceu.

 

Onde está o Espírito Santo dos dias apostólicos? Somos cristãos? Vamos falar somente aquilo que é verdade! Não vamos substituir a PALAVRA por argumentos.

 

Pr. Geraldo Osório de Aguiar

 

Meditação

Se eu orar, orasse por dez mil pessoas hoje à noite, e todas elas morressem de manhã, amanhã à noite eu estaria de volta aqui orando pelos enfermos, crendo que a Palavra de Deus estaria correta. Isso mesmo.

Se eu estivesse morrendo, e cinco mil pessoas que morreram há cem anos atrás, e tivessem estado na Eternidade esse tanto de tempo, ressuscitassem e viessem à terra e dissessem: “Irmão Branham, não confie Nisso. Ele não é certo. Não confie Nele. Nós - nós confiamos Nele, fomos; nós falhamos”.

Leia mais...